top of page

Pedagogo

A pedagogia é uma das profissões mais populares e mais buscadas por quem deseja trabalhar na área da educação e aprendizagem. Também é uma opção de carreira para quem não sabe ao certo que caminho seguir, mas precisa tomar uma decisão. Claro, é preciso ter afinidade com este nicho. A pedagogia está ligada diretamente às questões de desenvolvimento intelectual de estudantes e profissionais. Será que esta área é para você? Veja agora o que faz o pedagogo e como se tornar um.


O que é um pedagogo


Pedagogo é o profissional formado no curso de pedagogia. O pedagogo trabalha junto com outros profissionais pensando e desenvolvendo projetos que melhorem a aprendizagem dos estudantes, além de trabalhar com gestão educacional e outras vertentes do ensino.


O pedagogo tem amor pela educação, pelo ensino e pelo aprendizado e sabe da sua importância para o alcance de bons resultados escolares. É considerado um especialista em educação, além de estudar e mensurar os impactos sociais sobre o alcance da aprendizagem.


O que faz um pedagogo


O pedagogo trabalha com a aprendizagem, identificação e orientação em caso de distúrbios e dificuldades. Assim, ele auxilia pessoas no tratamento de questões educacionais, na organização escolar das instituições, além de estudar e acompanhar todo o desenvolvimento da área de ensino com foco em aprimorar conhecimentos para aplicar no seu ambiente de trabalho.


O pedagogo também recebe outras nomenclaturas ao ocupar vagas de trabalho, além da sala de aula. São elas:


● Analista pedagógico

● Assistente pedagógico

● Consultor pedagógico

● Coordenador pedagógico

● Supervisor pedagógico

● Psicopedagogo (pedagogia com especialização em Psicologia)


Lista de responsabilidades


E na prática, o que faz o pedagogo? O pedagogo ocupa posições diversas no mercado. Portanto, o seu trabalho reúne um conjunto de atividades que, embora tenham a educação e a aprendizagem em comum, são bastante variáveis. Conheça algumas delas:


● Ministrar aulas para a educação infantil e fundamental;

● Ministrar aulas para o nível superior, se tiver alguma especialização para tal;

● Participar de reuniões e planejamentos escolares;

● Organizar eventos escolares;

● Auxiliar alunos na compreensão das atividades, estimulando a adesão ao ensino;

● Preencher diários de classe e apresentar resultados à diretoria;

● Aplicar e corrigir provas e outras ferramentas de avaliação escolar;

● Organizar calendário letivo, definindo as atividades que serão trabalhadas;

● Definir a escala do horário de trabalho dos professores;

● Criar projetos pedagógicos e auxiliar na aplicação dos mesmos;

● Atuar na coordenação escolar;

● Criar e orientar os conselhos de classe, bem como as reuniões escolares

● Desenvolver atividades em equipamentos socioassistenciais;

● Auxiliar na criação de materiais didáticos e outros tipos de livros para o público infantil;

● Realizar treinamento e desenvolvimento da equipe de trabalho de uma empresa;

● Desenvolver ações educacionais dentro de hospitais, ongs,etc.;

● Auxiliar estudantes na definição e descoberta da sua orientação vocacional;

● encaminhar os alunos com suspeita de transtornos de aprendizagem a uma equipe multidisciplinar para tratamento;

● Auxiliar na elaboração de brinquedos pedagógicos de acordo com a faixa etária da criança.


Como se tornar um pedagogo


Para ser um pedagogo é preciso ser formado no curso de pedagogia. O curso é ofertado por instituições públicas e privadas, na modalidade licenciatura ou bacharelado. Também pode ser ministrado presencialmente ou à distância, de acordo com a preferência do aluno.


O curso de bacharelado e o de licenciatura possuem o mesmo tempo de duração, mas têm objetivos diferentes. O curso de bacharelado prepara o aluno para funções mais amplas da pedagogia, exceto o ensino na sala de aula, mas não é encontrado comumente em faculdades.


Já o curso de licenciatura capacita o profissional para lecionar em escolas de ensino infantil e fundamental, até o 5° ano. De acordo com o MEC (Ministério da Educação), o curso de pedagogia forma profissionais aptos a gerir escolas, mas o foco mesmo é formar professores da educação infantil.


As disciplinas estudadas são Psicologia, Sociologia, Filosofia, educação infantil, educação especial, educação de jovens e adultos, didática, arte e educação, letramento e alfabetização, português, história e geografia, Matemática e ciências.


Ao final do curso, é preciso apresentar um trabalho de conclusão do curso (TCC), além de realizar um estágio supervisionado.

O curso de licenciatura oferece habilitações variadas. O futuro pedagogo pode optar por habilitação em educação especial, arte e educação, educação de jovens e adultos e educação infantil.


Habilidades necessárias a um pedagogo


O curso de pedagogia é uma das escolhas mais comuns dos vestibulandos. Mas, o fato é que para ser um bom profissional é importante apresentar ou desenvolver algumas habilidades importantes. Veja só:


● Gostar de trabalhar com crianças

● Gostar de ensinar e de aprender também

● Ser criativo

● Ser paciente

● Saber trabalhar em equipe

● Administrar conflitos

● Se identificar com a área de gestão

● Ser organizado e responsável

● Ter facilidade com mediação de conflitos

● Ter capacidade analítica e crítica da realidade


Salário


De acordo com o Ministério da Educação, o piso salarial do pedagogo deve respeitar o mínimo de R$ 2.738,00. Entretanto, este valor pode variar bastante conforme a função, de fato, ocupada pelo profissional.


Local e ambiente de trabalho


O pedagogo trabalha em ambiente fechado, dentro do estabelecimento onde ele presta seus serviços, que pode ser uma escola ou hospital, por exemplo. A rotina envolve o contato com os outros profissionais, uma vez que é um trabalho que se desenvolve em equipe.


O ambiente de trabalho costuma ser bastante criativo, em que o pedagogo deve estar em constante busca por maneiras diferentes de pôr em prática seus conhecimentos para aplicação em sala de aula.


Já quando atua no setor corporativo, o pedagogo tem uma rotina e um ambiente mais formal, bem diferente do que ele vê nas escolas, mas ainda assim é um espaço onde o ensino e o estudo prevalecem.


Mercado de trabalho


O mercado de trabalho para o pedagogo é bastante promissor. O profissional pode trabalhar em escolas de ensino infantil e fundamental como professor, pode atuar na gestão escolar ou como professor de nível superior.


Ele também auxilia na construção de projetos pedagógicos em editoras, no desenvolvimento de brinquedos e programas voltados para o público infantil.


A área da assistência social também oferece oportunidades de trabalho. Em CRAS (Centros de Referência da Assistência Social) e demais departamentos sociais, a figura do pedagogo é indispensável para auxiliar na execução das políticas públicas voltadas para crianças e adolescentes.


Pedagogo dentro de hospital? Sim, o pedagogo também trabalha em hospitais fazendo parte da equipe responsável pelo acompanhamento de crianças e adolescentes internados por muito tempo e que possam sofrer deficiências de aprendizagem.


O setor público é o que mais absorve os formados em pedagogia, mas o setor privado também oferece boas oportunidades de trabalho.


Principais áreas de atuação do pedagogo


Pedagogia hospitalar


O trabalho do pedagogo é contribuir para a continuação da aprendizagem do paciente internado e que acaba sendo prejudicado por causa do tempo dentro do hospital.


Educação especial


A educação especial envolve crianças com alguma deficiência que pode ser física, visual, auditiva ou mental. O objetivo é reforçar a educação e a aprendizagem como medidas de inclusão, facilitando o acesso daqueles que possuem mais dificuldades em assimilar os conteúdos.


Pedagogia empresarial


O pedagogo também atua dentro das empresas e, obviamente, não é com crianças. O seu papel, enquanto pedagogo, é utilizar seus conhecimentos pedagógicos no desenvolvimento de estratégias de marketing voltadas para a comunicação e fidelização de clientes.


Orientação educacional